Detecção de resíduos de proteínas

Pyromol-Test

EN ISO 15883

Detecção de resíduos de proteínas até 1μg

em líquidos e superfícies.

O kit de teste Pyromol-Test é um teste pré-elaborado de fácil utilização que detecta, após a descontaminação, a existência de resíduos de proteínas através da formação de um complexo corante-proteína. Esta reacção detecta a própria cadeia proteica, podendo por isso detectar proteínas desnaturadas ou quimicamente alteradas (mesmo após a influência de calor, ácido peracético e aldeídos). 

Esta reacção permite demonstrar a existência de proteínas em líquidos ou superfícies por uma mudança de cor.

 

Pyromol-Test proporciona aos reprocessadores profissionais um método consistente, repetível e confiável para a detecção rápida de resíduos de proteínas até 1µg. 

Comparado com outros testes de detecção de proteínas existentes (ex.OPA, biureto ou ninidrina) Pyromol-Test destaca-se por ser mais sensível e selectivo, proporcionando melhores resultados!

Sem incubação, nem longa espera.

Porquê utilizar Pyromol-Test?

Mesmo um processo validado, deve ser monitorizado rotineiramente de acordo com a EN ISO 15883. Tal deve-se ao facto de os parâmetros de lavagem facilmente se alterarem durante a utilização de rotina. Assim, um número representativo de instrumentos cirúrgicos deve ser monitorizado rotineiramente, especialmente instrumentos com lúmens ou de difícil lavagem, sendo que no caso de lavagem manual a sua monitorização ainda é mais premente!

A simples inspecção visual não é suficiente para distinguir entre manchas de proteínas e outras fontes de resíduos como sejam a corrosão ou simples manchas de água.

Por forma a se detectarem quantidades muito pequenas de resíduos é necessário um método de teste sensível, caso contrário não se alcança um resultado seguro. Manchas de sangue na ordem das μg são claramente visíveis em aço inox. Assim, um método de teste tem de detectar no mínimo estas quantidades. Pyromol-Test consegue detectar 1μg de resíduos de proteína, para além de conseguir distinguir a mesma de outras substâncias como sejam a corrosão ou manchas de água.

Aplicação

A utilização de uma zaragatoa é o método mais eficaz para a recolha de amostras pelo facto de se poder remover completamente resíduos insolúveis e por conseguinte serem detectados pelo método de detecção escolhido. Por forma a se aplicar uma pressão suficiente para remover resíduos persistentes em superfícies ou instrumentos são utilizadas zaragatoas curtas. Para lúmens e canais de endoscópios flexíveis deve-se escolher o tamanho correcto da zaragatoa por forma a se conseguir uma amostra correcta.

Esfregue a área a ser testada com a zaragatoa apropriada (swab fornecida com um diâmetro de 3,8mm) e coloque a mesma no teste pré-elaborado. Verifique o resultado através da mudança de cor.

Para instrumentos cirúrgicos cânulados (com lúmen) deve ser utilizada uma EndoSwab (Pyromol-E).

 

EndoSwabs disponíveis: 

1,7mm x 1m

2,8mm x 2.55m

3,8mm x 2.55m

5,0mm x 2.55m.

Resultados

Grandes quantidades de proteínas originam uma mancha azul-esverdeada visível em menos de 1 minuto. Para detecção de pequenas quantidades de proteína é recomendado esperar 5 minutos para que exista uma detecção (ou não).

 

Quando estão presentes proteínas solúveis o líquido muda para a cor azul esverdeado.

Não é necessária qualquer incubação!

Normas e recomendações.

Pyromol-Test está validado de acordo com o especificado na EN ISO 15883.

Pyromol-Test permite cumprir as recomendações de todos os organismos regulatórios para monitorização de rotina do desempenho de equipamentos de lavagem nomeadamente da AAMI, AORN, Joint Commission e DH(UK).

Pyromol-Test cumpre o especificado na nova ANSI/AAMI ST79:2017.

Benefícios da sua utilização.

  • Demonstra que os instrumentos cirúrgicos estão correctamente lavados e isentos de resíduos de proteínas

  • Ajuda a incrementar o desempenho do equipamento e dos profissionais;

  • Assegura a segurança dos doentes e dos profissionais;

  • Ajuda a prevenir as Infecções Associadas aos Cuidados de Saúde (IACS);

  • Complementa protocolos de reprocessamento existentes;

  • Rastreabilidade - evidência de “due diligence”;

  • Proporciona dados objectivos.

Comprar >